sábado, 8 de maio de 2010

Onipresente...


Cansei das nossas idas e vindas!

Um dia de sorrisos
Para tantos outros de choro
É algo bem maior
Do que eu posso suportar...

Por isso desliguei o telefone,
Apaguei os emails
E evito – desesperadamente –
Qualquer lugar onde você possa estar!

Mas se trago essa sombra
Em meu sorriso
Se tenho esses ombros caídos
Se meus pensamentos voam...

É porque fecho os olhos
Sinto seu perfume
E te encontro dentro de mim...

=/

Hélia

33 comentários:

...EU VOU GRITAR PRA TODO MUNDO OUVIR... disse...

Linda saudade,linda tristeza!

O tempo passa e resolve todos os tormentos!!

Um beijo con saudades!

Sonia Regina.

FERNANDINHA & POEMAS disse...

QUERIDA HELINA, FICO MUITO FELIZ COM A TUA VISITA... OBRIGADA PELOS VOTOS.... ABRAÇO-TE COM MUITO CARINHO E AMIZADE,
FERNANDINHA

FOTOS-SUSY disse...

OLA HELINHA, LINDA POSTAGEM...OBRIGADA PELA VISITA...PARA SI TAMBEM UM FELIZ DIA DA MAE AMIGA!!!
BEIJOS DE AMIZADE,


SUSY

Hosana Lemos disse...

quando não se dá para fugir...

Pelos caminhos da vida. disse...

Profissão Mãe.

Uma mulher chamada Ana foi renovar sua carteira de motorista.
Pediram-lhe para informar qual era sua profissão.
Ela hesitou, sem saber como se classificar.

"O que eu pergunto é se tem algum trabalho", insistiu o funcionário.
"Claro que tenho um trabalho" exclamou Ana. "Sou mãe!"

"Nós não consideramos mãe um trabalho. Vou colocar dona de casa", disse o funcionário friamente.

Não voltei a lembrar-me desta história até o dia em que me encontrei em situação idêntica. A pessoa que me atendeu era obviamente uma funcionária de carreira, segura, eficiente, dona de um título sonante.

"Qual é a sua ocupação?" perguntou.
Não sei o que me fez dizer isto. As palavras simplesmente saltaram-me da boca para fora: "Sou Doutora em Desenvolvimento Infantil e em Relações Humanas."

A funcionária fez uma pausa, a caneta de tinta permanente a apontar pra o ar, e olhou-me como quem diz que não ouviu bem.
Eu repeti pausadamente, enfatizando as palavras mais significativas.

Então reparei, maravilhada, como ela ia escrevendo, com tinta preta, no questionário oficial.

"Posso perguntar" disse-me ela com novo interesse "o que faz exatamente?"

Calmamente, sem qualquer traço de agitação na voz, ouvi-me responder: "Desenvolvo um programa de longo prazo (qualquer mãe faz isso), em laboratório e no campo experimental (normalmente eu teria dito dentro e fora de casa).
Sou responsável por uma equipe (minha família), e já recebi quatro projetos (todas meninas).
Trabalho em regime de dedicação exclusiva (alguma mulher discorda?).
O grau de exigência é a nível de 14 horas por dia (para não dizer 24)"

Houve um crescente tom de respeito na voz da funcionária, que acabou de preencher o formulário, se levantou, e pessoalmente abriu-me a porta.

Quando cheguei em casa, com o título da minha carreira erguido, fui recebida pela minha equipe: uma com 13 anos, outra com 7 e outra com

Do andar de cima, pude ouvir meu novo experimento - um bebê de seis meses - testando uma nova tonalidade de voz.
Senti-me triunfante!

Maternidade... que carreira gloriosa!

Assim, as avós deviam ser chamadas Doutora-Sênior em Desenvolvimento Infantil e em Relações Humanas, as bisavós Doutora-Executiva-Sênior em Desenvolvimento Infantil e em Relações Humanas e as tias Doutora-Assistente.

Uma homenagem carinhosa a todas as mulheres, mães, esposas, amigas, companheiras, Doutoras na Arte de Fazer a Vida Melhor!

(Marcelo Dias).

Feliz dia das Mães.

beijooo.

MEUS PENSAMENTOS disse...

oi amiga.lindo poema ,da um nó ,na garganta as vezes...

obrigada pelo carinho se vc é mãe passe la tem selinho,bjs!

São disse...

Que poema dolorido, minha querida...

Um bom Dia da Mãe.

APAIXONADA disse...

lindo seu blog que bom que me adicionou beijosssss

ESPERANÇA disse...

OLá td bem é lino seu blog amei beijosssss

Franzé Oliveira disse...

É o fim...
O difícil é matar a chama no coração...

Beijos.

Sandra disse...

OBRIGADA AMIGA PELA VISITA. AMEI.
SE ÉS MAMA~E VENHA..
MAS VIM LHE DESEJAR UM FELIZ DIA DAS MÃES PARA VC. CLARO SE VC FOR MAMA~E VENHA BUSCAR UM LINDO PRESENTE NA INTERAÇÃO..
DEIXEI UM LINDO PRESENTE NO BLOG PARA VC. VENHA BUSCAR.
FELIZ DIA DAS MÃES PARA VC. AMIGA.

TEM NA INTERAÇÃO DE AMIGOS UM
http://sandrarandrade.7blogspot.com PRESENTE PARA VC.
FELIZ DIA DAS MÃES.
CARINHOSAMENTE.
SANDRA

DESCULPE MINHA AUSENCIA.MAS NÃO FOI POSSIVEL VIR ANTES. ESTAVA TAMBÉM COM SAUDADES DE VC.
TENHO QUE DIVIDIR MEU TEMPO EM MIL.
MAS OS AMIGOS MORAM DENTRO DO MEU CORAÇÃO E PENSAMENTO. POR ISSO JAMAIS SERAM ESQUECIDOS. PASSE O TEMPO, PASSA AS HORAS. MAS VC ESTARÁ COMIGO..MINHAS LEMBRANÇAS SEMPRE ME REPORTAM ATÉ VC. OS HORIZONTES SÃO GRANDES, MAS O AMOR ENCURTA ESTA DISTANCIA.
UM GRANDE ABRAÇO.
SANDRA

Glenda G.y Dias disse...

Ah Seixinho, que lindo seu blog!
Tô encantada!

Parabéns!

Vou me deliciar mais no que de repente se tornou ESSENCIAL para mim!

Bjos
@GlendaDiasPsi

sarah disse...

Sabe de uma coisa, as vezes o melhor é se disanciar..
o melhor pras nossas vidas só Deus pode estabelecer,
é só teres cuidado e corresponder a seus sentimentos.


beijos flor !

Inside Me disse...

oh minha filha, assim vais fugir pra onde? =/

Mônica disse...

Adorei ser incluida em sua listinha de blogs essenciais. Tb gostei mto do seu blog. Bjs e obrigada.

Pelos caminhos da vida. disse...

Vamos começar a semana assim:

Desejo a você...
Fruto do mato
Cheiro de jardim
Namoro no portão
Domingo sem chuva
Segunda sem mau humor
Sábado com seu amor
Filme do Carlitos
Chope com amigos
Crônica de Rubem Braga
Viver sem inimigos
Filme antigo na TV
Ter uma pessoa especial
E que ela goste de você
Música de Tom com letra de Chico
Frango caipira em pensão do interior
Ouvir uma palavra amável
Ter uma surpresa agradável
Ver a Banda passar
Noite de lua cheia
Rever uma velha amizade
Ter fé em Deus
Não ter que ouvir a palavra não
Nem nunca, nem jamais e adeus.
Rir como criança
Ouvir canto de passarinho
Sarar de resfriado
Escrever um poema de Amor
Que nunca será rasgado
Formar um par ideal
Tomar banho de cachoeira
Pegar um bronzeado legal
Aprender uma nova canção
Esperar alguém na estação
Queijo com goiabada
Pôr-do-Sol na roça
Uma festa
Um violão
Uma seresta
Recordar um amor antigo
Ter um ombro sempre amigo
Bater palmas
De alegria
Uma tarde amena
Calçar um velho chinelo
Sentar numa velha poltrona
Tocar violão para alguém
Ouvir a chuva no telhado
Vinho branco
Bolero de Ravel...
E muito carinho meu.

(Carlos Drummond de Andrade).

Adoro essa msg e gostaria de partilhar com vc amiga.

beijooo.

IsaBella disse...

Ahhhh...
se desligar o telefone resolvesse a saudade...
eu não me importava de ficar incomunicável!
rsrsrrs!
xD
podia ser facil assim, né?!
mas, a gente sempre lembra quado fecha os olhos!
x(

beijinhus!!

João Poeta disse...

É muito difícil fugir de uma realidade que se encontra dentro dos nossos mais belos sentimentos, o amor.
Parabéns pelo lindo poema.
Um abraço.
João

Rafael Ceciliano disse...

huumm.... hoje vi que vc está seguindo o Raio-X. ficoo muito feliz, por isso... vc também já está no meu hall de blogs favoritos. rsrs'

Beijinhos... Apareça +.../
Rafael Ceciliano.

Moni disse...

Somos simplismente seres humanos
Carne, osso,e sentimetos.
Quando amamos , sofremospor não sermos correspondidos.
Quando não amamos , nada sentimos, sofremos por não sentir.
Em qualquer aspecto sofremos por semos carne, osso e sentimentos.

lindo poema parabens

bjos

Barbara disse...

Pode ser difícil sair de algumas coisas, algumas pessoas. Ou tirá-las de nós.
Mas segue-se.
Até a próxima curva.

Franzé Oliveira disse...

O difícil é arrancar do peito esse querer.
Mas o tempo...

"O tempo ajuda a cimentar os amores
A esclarecer as dores
A entender os sabores
Precisamos entender o momento"

Beijos querida.

Sandra Cajado disse...

O amor que tanto nos assola,a saudade de alguém que pulsa dento de nós como cores indefinidas e desesperadas porque não conseguimos tonalizá-las dentro nós.
Olhamos pra todos em nossa volta com grande preocupação de olhares de repressão das cores sombrias, quando tudo que nós mesmas sabemos é que as cores internas são vermelhos escalartes de amor e paixão.
Que os dias cinzentos passem e que sobressaiam verdes de esperança.
Beijos minha irmã do coração.

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá, belo post...Espectacular....
Beijos

Taddeu Vargas disse...

Olá Helinha! Sou novo por aqui, mas acabo de ler sobre a sua amiga amora. Meus sentimentos!
Voce conversava com ela por MSN, celular, que são encontros virtuais...mas já descobriu que pode conversar por sonhos, que são encontros espirituais, mas reais!
Adorei tudo por aqui e voltarei. Você escreve muito bem! Escreva mais e presenteie seus leitores, assim como eu.
Abraço forte e um belo e feliz domingo.

Sandra disse...

agradeço a todos o seu carinho e presença. já estou passeando pelos blogs logo cheegará a sua vez.
COMO É BOM TER VOCÊ SEMPRE BEM PERTINHO DE MIM. FICO MUITO FELIZ.
A CURIOSA SE SENTE MUITO ORGULHOSA EM CONTAR CONTIGO SEMPRE EM MEUS BLOGS..
DE CORAÇÃO AGRADEÇO O SEU CARINHO E PRESENÇA.
A AMIZADE É O SIMBOLO QUE NOS UNE NESTE UNIVERSO VIRTUAL.
MUITO OBRIGADA PELA SUA AMIZADE.
SOU MUITO FELIZ EM TER VOCÊ PERTINHO DE MIM..
SEJA SEMPRE BEM VINDA.
ADORO QUANDO VEM.
UM GRANDE ABRAÇO E UM FELIZ FINAL DE SEMANA.
ATÉ MAIS,
SANDRA

CONTO COM O SEU VOTO NA CURIOSA E NA INTERAÇÃO DE AMIGOS. TOPBLOG ESTOU NOVAMENTE PARTICIPANDO. OBRIGADA PELO VOTO E CARINHO

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Lindo!

*os homens que pensam cansam-se

de tudo, porque tudo muda.


Os homens que passam provam-no,

porque mudam com tudo.


De eterno e belo há apenas o sonho...



Fernando Pessoa

O Marinheiro*

Beijos, querida.
Bom Semana!

silvioafonso disse...

.

Eu não tenho saudades dos meus
tempos de infância, mas do moleque
travesso que eu fui...

silvioafonso.





.

Andreia disse...

Minha linda Helinha!
Saudades imensas de ti querida.
Desculpe minha ausência, mas ando estudando muito e não me sobra tempo para nada.
Como está sua linda família! Tuas fofíssimas crianças!
Deixo a vocês um terno beijo na alma lindinha. Que Deus esteja com vocês guardando e iluminando.
Te adoro, viu!
Bjks...

JPM disse...

Olá,
Tive contato com o teu blog no da Manufatura.
Agora vim conhecê-lo e seguí-lo.
Desde já és convidada a visitar o meu.
Saúde e felicidade.
João Pedro Metz

Blogadinha disse...

As memórias guardam o nosso melhor momento mas também o tormento. Importa que as tenhas vivido...

Bjo

Alma Inquieta disse...

Olá Helinha!

Que se passa contigo?

Diz-me alguma coisa, estou preocupada. Não apareces, não publicas...!

Deixo-te um beijo enorme de saudade e um carinho imenso!

Tatiana Kielberman disse...

É... Eu acho que sempre dou um jeito de te encontrar aqui, bem dentro de mim!

Resolvi passear um pouco por aqui, como forma de matar a saudade...

Ler o que você escreve é um enorme presente!!

Beijos de quem te ama muito...